Por uma resposta sempre-provisória

Desde setembro, eu achava que escreveria até semanalmente para o blog, já que eu iria começar a estudar um tanto mais para o mestrado. Quanto mais conteúdo eu tivesse para ler, mais eu escreveria; eu teria muito mais matéria-prima para trabalhar os textos e eles ficariam mais ricos… mas nada disso aconteceu. Muito pelo contrário, eu nunca fiquei tão travado.

Continue reading “Por uma resposta sempre-provisória”