(23)

tumblr_mjz8m97uY01qg3iveo1_1280

Desenterro. Está apenas coberto por um fino véu de pó. Preciso escavar, pá a pá, entrar no buraco. Desterro. Nunca foi enterrado. Já estava lá, desde que os tempos imemoriais quando mundo foi criado. Às vezes, parece que o mundo se construiu em volta, que isso é o centro da Terra, a fonte da gravidade. Tão próximo à superfície. Só um fino véu de pó. Agora posso contemplar, mover. Depois de me contagiar, enterro. O próximo poderá redesenterrar.

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s